Home

 

 

 

Código de ética CÓDIGO DE ÉTICA DO INSTITUTO

Sua Constituição

 

A constituição do código de ética do IMA – Instituto Mestre Allan, foi feita para preservar a integridade de nossos alunos e da sociedade na qual eles interagem. Esses códigos ajudarão a nortear nossos alunos diante de situações duvidosas.

 

Compromisso

  • Fornecer aos nossos alunos um treinamento saudável e de qualidade para que possam se tornar excelentes profissionais e atletas, objetivando superar seu próprio desafio.
  • Valorizar o ser humano, o respeito e a humildade para que possam se tornar pessoas mais dignas na sociedade;
  • Auxiliar no desenvolvimento profissional de professores;
  • Motivar a união do Instituto, alunos e família;
  • Tornar nossos alunos sempre pessoas melhores socialmente.
  • É dever de todo professor auxiliar sua turma para que se cumpram os regulamentos.

O Instituto trabalha de forma a realizar e fortalecer os compromissos acima mencionados em conjunto com todos os nossos alunos, professores e familiares envolvidos com nossas atividades, visando sempre um fortalecimento de equipe.

 

Ambiente de treinamento do Instituto

No IMA, procura-se produzir oportunidades de desenvolvimento pessoal e profissional. Os investimentos nos ambientes e em materiais utilizados no Instituto são frequentes, buscando garantir um ambiente de treinamento seguro, saudável e respeitoso.
Todo aluno tem o direito de saber como está seu desempenho antes de participar de avaliações individuais. Desta maneira, os professores fornecem, quando solicitados, relatórios com avaliações individuais, buscando sempre um desenvolvimento pessoal e social.
Todos devem relacionar-se no mais elevado padrão de respeito humano, independente da graduação que ocupa e do tempo de treinamento.
Todos os alunos sempre serão incentivados a participar ativamente de competições, eventos, seminários e outros que correspondem as atividades praticadas no Instituto e fora dele, valorizando assim o crescimento individual e coletivo dos alunos.
Nos processos de seleção, nossos alunos serão avaliados pelas condições que se adéqüem a seus requisitos de rendimento.      

 

Opiniões políticas

O Instituto respeita a todos os seus alunos em relação as suas opiniões políticas ou religiosas. Entretanto, as expressões e discussões de tais temas devem acontecer fora do horário de treinamento, além de ser vedada a utilização do nome do Instituto para tais fins.
Lembre-se: todos os nossos alunos juntos formam uma comunidade, e as diferenças devem ser respeitadas.

 

Regulamento Interno

A observação adequada das regras de comportamento é tão importante quanto o aprendizado das técnicas. As seguintes regras devem ser cuidadosamente obedecidas:

  • Ao entrar e sair do Dojang, faça uma reverência, curvando-se, na direção da bandeira.
  •  Nunca use sapatos no tatame, com exceção de sapatilhas especiais. Para isso, consulte seu professor.
  • Não se atrase para a aula. Caso isso ocorra, reverencie a bandeira na entrada e em seguida vá até o Mestre, professor ou instrutor que estiver no comando e cumprimente-o também.
  • Se tiver que deixar o tatame durante a aula, aproxime-se do instrutor para pedir permissão.
  • Quando não estiver praticando, não se apóie nas paredes, nem sente com as pernas esticadas (sente-se de joelhos ou com as pernas cruzadas).
  • Retire o relógio, anéis e outras jóias antes da prática.
  • Mantenha as unhas das mãos e dos pés curtas.
  • Não traga comidas, chicletes ou bebidas para o Dojang.
  • Não utilize alimentos pesados e nem ingira substâncias alcoólicas antes da prática do treino (além de incomodar o parceiro de treino com odores indesejáveis, o grande prejudicado será você).
  • Não é permitido que os alunos do Instituto sejam usuários de drogas ilegais, ou qualquer tipo de substância anabólica;
  • É proibido fumar e ingerir bebidas alcoólicas nas dependências do Instituto.
  • A conversa durante a aula deve ser mínima e restrita a um único tópico: treinamento.
  • Nunca dizer em aula palavrões de baixo escalão ou se utilizar de gestos obscenos.
  • Se estiver com dificuldade em alguma técnica, chame o instrutor responsável.  Nunca pergunte ao seu colega ou aluno mais graduado. Caso o instrutor esteja ocupado no momento, o mesmo designará algum aluno mais graduado para auxiliá-lo;
  • Nenhum aluno mais graduado poderá ensinar a outro parceiro, apenas se autorizado pelo instrutor.
  • Nenhum aluno pode participar de competições sem a autorização prévia de seu professor.
  • Mantenha o seu Dobok sempre limpo e em bom estado de conservação.
  • Não troque de roupa dentro ou nas proximidades do Dojang, nem ande sem camisa.
  • Os alunos somente poderão realizar lutas diante da presença de um faixa preta.
  • É obrigação de todo aluno, cuidar da limpeza, do patrimônio e dos equipamentos do Instituto. Tudo isso é de serventia e de utilização coletiva entre os alunos;
  • É dever de todo aluno comunicar ao mestre ou professor, qualquer situação que não venha a condizer com a harmonia entre os colegas do Instituto;
  • No instituto não é admitido preconceito de qualquer natureza, sempre valorizando a diversidade.
  • É proibido qualquer tipo de violência dentro ou fora do Instituto;
  • Assédio: É proibido qualquer assédio moral ou sexual no Instituto, inclusive com propostas ofensivas e ameaça à integridade física e psicológica;
  • Os alunos devem tratar uns aos outros de forma igualitária, sempre com respeito.
  • É proibida a prática de “trotes” a qualquer aluno ou membro do Instituto.
  • Ao vir treinar, pratique sempre com vontade e determinação.

Lembre-se que você está treinando para aprender, não para satisfazer seu ego. É aconselhável adotar uma postura receptiva e humilde (porém não bajuladora).

 

Violação do Código de Ética

As regras acima expostas devem ser cumpridas, evitando, assim, a má conduta. O Instituto se compromete a oferecer as condições necessárias para que isso aconteça.
Os alunos que não cumprirem as regras estabelecidas estarão sujeitos à aplicação de medidas disciplinares, que vão desde advertência verbal, suspensão temporária ou permanente.
Qualquer dúvida a respeito das regras mencionadas devem ser esclarecidas pelos professores.
Toda violação a este Código de Ética deverá ser comunicada ao professor imediatamente, e nenhum aluno deverá ser conivente com violações.
Não será permitido pelo Instituto qualquer retaliação ou ameaça às pessoas que, de boa fé, informem quaisquer violações.

Na dúvida, procure seu professor, ou seu mestre.